Skip Navigation

Tratamento de meduloblastoma no Johns Hopkins Medicine

Menina sorri enquanto o médico escuta seu coração

Quando uma criança apresenta tumor no cérebro, é uma mudança na vida da família inteira. O meduloblastoma é um dos tumores no cérebro mais comuns e malignos em crianças. A boa notícia é que as crianças têm melhores chances de sobreviver a um tumor no cérebro do que os adultos. Os tumores deles são menos propensos a mudar para um tumor mais sério. No Johns Hopkins, tratamos não somente seu filho ou filha, mas a família inteira. Como a nossa equipe médica direciona os tratamentos necessários, os nossos especialistas em vida infantil e assistentes sociais fornecem suporte e educação nas idades apropriadas aos pais, irmãos e pacientes jovens.

Solicite uma consulta

+1-410-502-7683

 

Entre em contato conosco

 

Conheça nossos serviços médicos de “concierge”.

Meduloblastoma: O que você precisa saber

  • Os meduloblastomas se formam no cerebelo e podem se espalhar para a coluna ou outras partes do corpo.
  • Eles ocorrem primariamente entre as idades de 4 a 9 anos, e afetam os meninos com mais frequência do que as meninas.
  • A maioria das crianças que desenvolvem tumor no cérebro não apresentam aparente fatores de risco para tumores no cérebro.
  • O seu médico precisará realizar alguns testes para determinar o grau/estágio do tumor do seu filho ou filha. O grau/estágio ajudará o seu médico determinar a extensão em que o tumor se espalhou.
  • Alguns tumores, incluindo o meduloblastoma, são sempre considerados de alto grau, mas não carregam uma designação numérica específica.
  • O estagiamento do tumor pode ocorrer antes ou após a cirurgia.
  • Você pode perceber que o seu filho ou filha sofre de dores de cabeça, náuseas e vômito, marcha instável, movimentos descoordenados e fadiga extrema . Isso poderia ser sintomas de um tumor no cérebro.
  • O meduloblastoma costumava ser fatal, mas no Johns Hopkins, tratamos com sucesso alguns tumores selecionados com uma cominação de cirurgia e terapia auxiliar. A quimioterapia (tratamento com drogas anticâncer) e radioterapia (raio-x direcionado que pode destruir as células cancerígenas) são sempre utilizados após a cirurgia.

Tumores cerebrais pediátricos - Perguntas mais frequentes

Veja Dr. Alan Cohen, chefe de neurocirurgia pediátrica, responder a algumas perguntas frequentes sobre tumores cerebrais pediátricos.

 

Este vídeo está disponível com legendas em português. Clique nesta imagem  no reprodutor de vídeo para selecionar legendas em português.

Por que escolher o Johns Hopkins para tratamento de meduloblastoma?

Avanços no tratamento de meduloblastoma

Neurocirurgião pediátrico Edward Ahn examina imagens de exames médicos

As crianças com tumores no cérebro exigem cuidados especiais, porque o cérebro e o corpo delas ainda estão em desenvolvimento. O tratamento dependerá do tipo, tamanho e localização do tumor, e a idade da criança e saúde em geral.

O tratamento de meduloblastoma geralmente inclui a combinação de cirurgia, radioterapia (exceto nos muito novos) e quimioterapia. 

Quando você luta pela saúde da sua criança hoje, você também pode pensar nas suas opções futuras. O Johns Hopkins é um líder em cuidado de câncer infantil e fornece opções para preservar a fertilidade deles.

O tipo mais comum de cirurgia para remoção de um tumor no cérebro em uma criança é chamado de craniostomia. Este procedimento envolve fazer uma incisão no escalpo e remover um pedaço do osso do crânio. O neurocirurgião pode encontrar e removero tumor na sua totalidade , ou o máximo possível , sem risco de severos danos ao cérebro.

Formas que o Johns Hopkins melhora os resultados da cirurgia

Os nossos neurocirurgiões pediátricos usam técnicas cirúrgicas e imagens de última geração para melhorar os resultados da cirurgia pediátrica para tumores no cérebro e na corda espinhal.  Essas técnicas permitem que os neurocirurgiões planejem de forma precisa a cirurgia, utilizando a l abordagem menos invasiva possível . 

As técnicas incluem:

  • Imagem intraoperativa utilizando máquinas especiais de ressonância magnética ou tomografia computadorizada na sala de cirurgia para ajudar os neurocirurgiões na remoção dos tumores do cérebro e da corda espinhal de forma segura e eficaz.
  • Cirurgia estereotáxica guiada por imagem é um procedimento que utiliza computadores avançados para encontrar os tumores no cérebro ou na corda espinhal que de outra forma seriam inoperáveis.
  • Mapeamento cerebral intraoperatório (cirurgia no cérebro acordado) é realizada enquanto o paciente está acordado, mas sedado, para remover os tumores que de outra forma seriam inoperáveis.
  • Neuroendoscopia é um procedimento minimamente invasivo para remover alguns tumores no cérebro e na corda espinhal através de um pequeno furo no crânio boca, ou nariz, utilizando pequenas câmeras e instrumentos. Essas técnicas minimizam a manipulação do cérebro e acelera a recuperação.

Para o  medulobastoma, a cirurgia é seguida de quimioterapia e/ou radioterapia para destruir qualquer traços ainda existentes do tumor.

Conheça os nossos especialistas em medulobastoma

Quando uma criança é diagnosticada com um tumor no cérebro ou na corda espinhal, uma equipe multidisciplinar especializada do Johns Hopkins, incluindo neuro-oncologista, neurocirurgiões, neuropatologistas e neurologistas, trabalham juntos para determinar o melhor tratamento. Conheça alguns dos nossos neurocirurgiões pediátricos abaixo:

Nossa equipe de concierge médico

Coordenadora de cuidado fluente em Português sorridente falando com uma mulher ao telefone

O nosso objetivo é fornecer uma experiência personalizada para você e sua família sentirem-se o mais perto de casa possível estando na Johns Hopkins. A nossa equipe assiste você antes, durante e após o seu tratamento. Um concierge  médico serve como sua ligação a Johns Hopkins antes de sua visita para oferecer orientação e coordenar os seus serviços médicos e acomodações.

Durante sua estadia iremos proporcionar uma coordenadora que entende sua cultura e fala sua língua. Sua coordenadora te guiará as suas consultas médicas e estará disponível para responder suas perguntas e preocupações.

Queremos que você e sua família se sintam confortáveis e sem estresse, assim poderá focar na sua saúde. Para agendar uma consulta, peça ajuda com o planejamento da viagem ou simplesmente para fazer qualquer pergunta, entre em contato pelo telefone +410-502-7683.