Skip Navigation

Rizotomia dorsal seletiva para espasticidade: O que você precisa saber

Em um tratamento de rizotomia dorsal seletiva para espasticidade, nervos específicos na parte mais inferior da coluna são cortados para aliviar o encurtamento dos músculos da perna

Se seu filho ou sua filha tiver espasticidade e dificuldade para caminhar como resultado de paralisia cerebral, ele ou ela pode ser candidato para uma rizotomia dorsal seletiva. A rizotomia dorsal seletiva, seguida por um programa de terapia física intensiva pode ajudar a restaurar a mobilidade e a força dos músculos da pernas.

Rizotomia dorsal seletiva: O que você precisa saber

  • A espasticidade é uma tensão  muscular anormal devido à contração muscular prolongada. É um sintoma associado com o dano ao cérebro, corda espinhal ou nervos motores e é visto em indivíduos com condições neurológicas, tais como paralisia cerebral (PC).
  • É importante tratar a espasticidade para melhorar o conforto, mobilidade e independência.
  • Sem tratamento, a espasticidade pode resultar em dor, deformidade permanente nas juntas, infecção do trato urinário, constipação crônica e úlceras de pressão.
  • A rizotomia envolve um neurocirurgião acessando os nervos sensoriais que estão conectados à espinha.  Então, o neurocirurgião isola cuidadosamente os nervos que transferem as mensagens de contração para o músculo afetado. Finalmente, o neurocirurgião corta as fibras mais anormais para aliviar a espasticidade enquanto preserva outras funções motoras e sensoriais.
  • O melhor candidato para o procedimento são crianças com PC que:
    •  Estão mental e emocionalmente capazes de completar a terapia física intensa seguindo a cirurgia
    • Podem caminhar com um andador  ou até com menos suporte.
    • Que tenham forte força do tronco e podem sentar sem apoio.
    • Que tenham níveis similares de espasticidade em ambos os lados do corpo.
    • Foram primeiramente t afetados pela espasticidade dos músculos da perna.
    • Estão entre os 3  e 10 anos.

Recursos ao Paciente

Visite a nossa Bibçioteca da Saúde para aprender mais sobre a espasticidade (em inglês)

Leia um artigo que discute os benefícios da rizotomia dorsal seletiva (em inglês)

Por que escolher a Johns Hopkins para o tratamento de Rizotomia dorsal seletiva?

Avanços sobre a rizotomia dorsal seletiva

Neurocirurgião Shenandoah Dody Robinson e a Neurologista Sarah Kelley

Os nossos neurocirurgiões pediátricos altamente treinados utilizam a rizotomia dorsal seletiva para  tratar a raiz do nervo afetado na espinha lombar. A operação é desempenhada com sua criança sob anestesia geral e leva cerca de quatro horas. Com um microscópio, o cirurgião faz uma incisão na espinha e expõe a raiz do nervo na parte inferior  da corda espinhal. O cirurgião identifica a raiz sensorial dorsal que controla a resposta sensorial dos músculos  para a corda espinhal. Com um microscópio, o cirurgião testa essas raízes para encontrar as  mais anormais. Depois disso, o neurocirurgião cortará um certo percentual das raízes mais anormais.

Também oferecemos uma versão minimamente invasiva do procedimento chamado rizotomia dorsal seletiva nível único, que pode significar uma estadia mais curta no hospital e recuperação mais rápida da criança. 

Conheça o nosso especialista em rizotomia dorsal seletiva

A neurocirurgia pediátrica do Johns Hopkins é um dos melhores centros multidisciplinar deste tipo e tem grande reputação internacional por oferecer às crianças a melhor chance de recuperação total. Conheça o nosso especialista em rizotomia dorsal seletiva:

Nossa equipe de concierge médico

Coordenadora de cuidado fluente em Português sorridente falando com uma mulher ao telefone

O nosso objetivo é fornecer uma experiência personalizada para você e sua família sentirem-se o mais perto de casa possível estando na Johns Hopkins. A nossa equipe assiste você antes, durante e após o seu tratamento. Um concierge  médico serve como sua ligação a Johns Hopkins antes de sua visita para oferecer orientação e coordenar os seus serviços médicos e acomodações.

Durante sua estadia iremos proporcionar uma coordenadora que entende sua cultura e fala sua língua. Sua coordenadora te guiará as suas consultas médicas e estará disponível para responder suas perguntas e preocupações.

Queremos que você e sua família se sintam confortáveis e sem estresse, assim poderá focar na sua saúde. Para agendar uma consulta, peça ajuda com o planejamento da viagem ou simplesmente para fazer qualquer pergunta, entre em contato pelo telefone +410-502-7683.